Como transformar torcedores em influenciadores? por Bernardo Bastos

O Marketing Boca-a-boca e o UGC (User-Generated Content) são táticas poderosas de marketing que podem alavancar um conteúdo específico nas mídias sociais. As marcas esportivas tem uma vantagem nesse campo, porque a experiência do torcedor (Fan XP) já está praticamente embutida em todo o relacionamento clube-torcida.

Mas então, como empoderar meus torcedores para criar e engajar?

É simples: Dê a eles uma razão para compartilhar a sua experiência. Sim, parece óbvio e amplo demais pra ser verdade, por isso, vamos detalhar como isso pode funcionar na realidade do seu clube.

Vamos pegar exemplos do mercado americano e listar algumas ações para serem executas num estádio/ginásio/arena:

1 — Criando embaixadores

Estamos em 2020, praticamente todos torcedores possuem uma câmera no bolso (seja a câmera em si, ou no próprio smartphone), e todo mundo ama tirar fotos e compartilhá-las em suas redes sociais, portanto, forneça espaços/atrações exatamente para isso.

Que seja um background/cenário temático para usarmos como fundo para as fotos, uma estátua, taças, um mascote gigante, ou uma moldura de instagram, forneça conteúdo ‘instagramável’ para os seus fãs.

No entanto, ter fãs capturando o momento não é o objetivo final aqui; queremos que eles compartilhem esse momento com seus amigos, familiares e seguidores. Queremos que eles sejam o próprio embaixador da sua marca no ambiente digital.

Exemplo:

Golden State Warriors

Os Golden State Warriors fazem um excelente trabalho, primeiro fornecendo várias estações de fotos dentro e fora da arena, incluindo um cenário de photo booth, moldura de Instagram e vários murais de parede ao redor do saguão. Coincidindo com essas estações, os Warriors promovem que os fãs postem usando #WarriorsGround exibindo conteúdo ao redor do concurso em uma parede gigante composta de oito monitores

2 — Concursos e Competições

Da mesma forma que todo mundo adora se ver na tela ou na transmissão, existe outra coisa que os torcedores também amam: Coisas grátis!

Você pode criar o cenário perfeito e promover conteúdo ‘instagramável’ em todos os lugares, mas alguns fãs precisam de um pouco mais de motivação para compartilhar, e é aí que os concursos e competições entram. Aqui estão dois exemplos de campanha de concurso simples, mas eficazes:

Seattle Sounders

O Seattle Sounders FC, em parceria com a Xbox, organiza um concurso mensal para escolha da melhor foto, que promove a hashtag #XboxPhotoContest, e que recebe centenas de postagens em cada partida, culminando na oferta de um Xbox gratuito, uma assinatura do Xbox Game Pass e uma camiseta do Sounders FC. Concursos sociais como esse são uma ótima maneira de incentivar o compartilhamento e envolver seus patrocinadores corporativos ao mesmo tempo.

University of Central Florida

Concursos e campanhas não precisam ser limitados o a estádio. Na verdade, existem várias campanhas de sucesso executadas exclusivamente no site da própria equipe. Veja a University of Central Florida, por exemplo, que trabalhou junto ao seu aeroporto local para premiar um fã  com ingressos + transporte para cada jogo fora de casa. Os torcedores tinham que enviar uma foto em uma partida fora de casa na última temporada e marcar as contas dos perfis do time e seus parceiros para concorrer. Todos os envios de fãs apareceram no site da UCF e os vencedores colocados no topo.

3 — Continue a conversa

Agora, você pode estar pensando que essas são ótimas ideias para aqueles que participam dos jogos presencialmente, mas e os fãs que ficam em casa? E quanto à experiência dos fãs antes e depois dos dias de jogo? Não queremos que a conversa termine no apito final ou no fim da temporada. Por isso, vamos explorar outras formas de capacitar seus fãs digitais e aproveitar o conteúdo que eles criam.

A forma mais fácil de alavancar todo o conteúdo dos fãs nos dias de jogo é simplesmente repostar o conteúdo criado por eles nas mídias oficiais ou exibir de alguma forma durante os jogos. Além disso, é necessário continuar e promover conversas entre o clube e seus stakeholders através de seus diversos canais.

Exemplos:

Baltimore Ravens

O Baltimore Ravens faz um excelente trabalho nesse ponto. Através da hashtag #RavensBooth, perguntas e comentários são exibidos ao vivo nas transmissões do clube.

Mesmo que você não consiga responder diretamente a cada pergunta / comentário, utilize o conteúdo deles e faça com que seus fãs se sintam parte do programa exibindo uma área de social media em sua transmissão.

O Marketing Boca-a-Boca

Se há uma verdade absoluta no campo dos negócios, é que o boca-a-boca é a ferramenta de marketing mais poderosa do mercado, então é melhor você, como gestor esportivo,  aproveitar essa ferramenta. Permita que seus fãs compartilhem coisas, fornecendo conteúdo e experiências exclusivas, inclua-os na conversa para que eles se sintam parte da equipe e exiba o conteúdo deles em todos os lugares para que todo mundo possa ver.

Inside Sales na SporTI, Graduado em Administração pela Faculdade Milton Campos e Pós-graduado em Marketing Estratégico pela PUC Minas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *